segunda-feira, 9 de outubro de 2006

PENSAMENTOS INSPIRADOS NA PROCURA DE DEUS 22

A cruz que nós queremos, nunca é a nossa.

2 comentários:

Andante disse...

Tens razão Joaquim.
A nossa é demasiado pesada...

Obrigada pelo cuidado. O meu marido já está com uma medicação diferente.
Agora tem que pôr de lado a pieguice e arrebitar.
Condicionalismos de quem quase nunca está doente e, quando está, pensa que vai morrer!...

Tem que fazer um esforço, pessoal, para melhorar. Mas isto vai lá.

Beijos peregrinos. Estes condicionalismos também fazem parte da peregrinação.

malu disse...

Tb tens razão Andorante. Ou é mais pesada ou mais 'chatinha'. A minha, p.ex., estava melhor assim para a teresa Guilherme....

:p