sexta-feira, 29 de março de 2013

SEXTA FEIRA SANTA

.
.
 
 
Quisera eu ser Pedro que Te negou três vezes, mas pobre de mim pecador, nego-Te mais de três vezes por dia!
 
Quisera eu ser Simão de Cirene que Te ajudou a levar a Cruz, mas pobre de mim pecador, até a minha cruz por vezes me recuso a levar.
 
Quisera eu ser Verónica, para Te limpar o rosto, mas pobre de mim pecador, vejo-Te tantas vezes na rua naqueles que nada têm, e volto a cara para o lado.
 
Quisera eu ser João, abraçado aos pés da Cruz, mas pobre de mim pecador, que tanto me queixo dos sofrimentos e provações.
 
Quisera eu ser ao menos o Centurião que Te reconheceu Filho de Deus, mas pobre de mim pecador, em cada pecado em que caio, rejeito a tua divina vontade.
 
Mas não, nada sou, nem sequer o bom ladrão que Te defendeu naquela hora, pois tantas vezes ouço falar mal de Ti e nada digo, nada faço.
 
Prostrado no chão, a cabeça por terra, não ouso levantar os olhos para a Cruz, mas espero confiadamente a tua misericórdia e a vida nova que de Ti vai brotar.
 
 
Sexta Feira Santa
Marinha Grande, 29 de Março de 2013
Joaquim Mexia Alves
.
.

10 comentários:

Jose M Ferreira disse...

Olá Joaquim:

Tens o dom de colocar exactamente no âmago do nosso ser, aquilo que devíamos fazer e ser e não fazemos nem somos. Quantos Pedros!

Um abraço,
JM Ferreira

António Mexia Alves disse...

Excelente reflexão para esta Sexta-Feira Maior.
Acompanho-te.

concha disse...

Sempre presente e sempre actual com uma belíssima reflexão!
Bem hajas amigo Joaquim,pela humildade de te assumires, afinal como eu e tantos outros.
Continuação de um bom Tríduo.

Graça Pimentel disse...

Mais uma dia passado no hospital a acompanhar um dos meus. Lembrei-me deste dia mas em momentos esparsos.
Obrigada por esta reflexão de fim de dia.

beijinho e uma Santa Páscoa

joaquim disse...

Caro José M Ferreira

Obrigado.

Um abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Obrigado António.

Um abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Bom dia Concha!

Obrigado!

Um abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Obrigado Graça.

Rezo por si e pelos seus.

Um abraço amigo em Cristo

Paulo disse...

Todos somos pecadores, como tu te dizes ser. Naquela paixão, todos nós estavamos presentes, todos nós podemos ser um pouco de cada um, basta segui-lO

joaquim disse...

É verdade Paulo, e sobretudo percebermos que não somos dignos, mas é Ele que pelo seu amor nos faz dignos.

Um abraço amigo em Cristo