quarta-feira, 29 de Agosto de 2007

MEU DEUS E MEU SENHOR

Tão perto Senhor,
estás Tu de mim,
e eu ainda tão longe,
de Ti…
Vens junto a mim,
e mostras-me as mãos e o lado,
e eu não consigo ver,
porque os meus olhos
ainda estão cheios de dúvidas…
Chamas-me meigamente,
e dizes-me cheio de amor:
«Coloca a tua mão no Meu lado,
olha-me nos olhos…»
Mas eu baixo a cabeça,
cruzo as mãos atrás das costas…
Tenho medo, Senhor!
Tenho medo de não ver,
tenho medo de não acreditar,
tenho medo de que a minha vida,
não Te sirva Senhor…
Tantos sinais,
tantas palavras,
tantos momentos de amor,
tantos milagres,
(ah Senhor,
a minha vida agora
é um milagre Teu!),
e eu assim,
nestes momentos de nada,
como se eu não soubesse,
que és Tu Senhor,
a Vida da minha vida…
Que paciência tens Tu, Senhor,
para este coração de pedra,
para este olhar tão cego,
para este acreditar tão frágil…
Tomas-me pela mão,
deitas a minha cabeça no Teu colo,
afagas o meu cabelo,
recolhes as minhas lágrimas,
e bebe-las cheio de amor…
E eu vou acalmando,
a paz vem como um rio,
e banha-me no Teu amor…
O coração abre-se,
torna-se mole,
porque és Tu que o moldas Senhor…
Vão-se as dúvidas,
fica a certeza, a fé,
na Tua presença Senhor…
Retira-se a nuvem dos meus olhos,
a luz irrompe,
já Te posso ver, Senhor…
Abrem-se os meus lábios,
e de dentro do meu peito,
surgem as palavras,
num louvor:
Meu Deus e meu Senhor!…

12 comentários:

Ver para crer disse...

Terminados alguns dias de descanso, cá estou de novo a visitar-te.
E é sempre com proveito que o faço.

Fa menor disse...

Joaquim,
Todos temos os nossos medos...
...os nossos fantasmas,
mas uma certeza que não devemos perder é de que Ele está sempre connosco. Só temos que nos voltar para o seu lado e sentir a Sua mão na nossa!

Fazes poemas deliciosos!

Beijinho

Fa-

anawîm disse...

tão perto e tão longe...
... doce poema que canta o Senhor nosso tão perto e tão longe...

abraço amigo Joaquim, neste nosso Deus

antonio disse...

Este teu poema faz-me lembrar a parábola deste Domingo. Quantas vezes baixamos os olhos e não O vemos quando Ele se apresenta perante nós na pele dos mais humildes, necessitados e excluídos?

Sandra Dantas disse...

"Meu Deus e meu Senhor!..."
A mais bela profissão de fé que se pode fazer, até nos momentos mais frágeis da nossa vida, nos momentos de dúvida!

Lindo este teu poema, amigo Joaquim. Fez-me reviver todos os meus momentos complicados, em que parece que tudo está perdido, mas nos quais há sempre a mesma certeza: "Meu Deus e meu Senhor!..."

Um grande abraço amigo, em Cristo, o Mestre!

malu disse...

Lindo, lindo este poema Joaquim!
Já o li algumas vezes, inspira-me sempre muita paz e esperança.

Abraço em Cristo.

joaquim disse...

Caro amigo padre do "ver para crer", obrigado pela visita e pelas suas palavras.
Abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Amiga Fa
Essa é a certeza que tenho na vida:
Que Ele está sempre connosco...

Abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Amigo anawîm

Guardo o teu abraço...neste Deus longe e no entanto tão perto...

Recebe também um abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Caro António

É verdade, ao nosso modo pretendemos ver sempre apenas o que nos "agrada" e fechamos muitas vezes os olhos ao que nos incomoda e onde Ele está à nossa espera...

Abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Olá Sandra

Nós muitas vezes estamos perdidos...mas Ele nunca nos perde no Seu amor...

Obrigado.

Abraço amigo em Cristo

joaquim disse...

Olá Malu

Obrigado...

Nestes dias em Fátima reflecti muito no tema da nossa Assembleia:
Jesus Cristo a nossa esperança...

Que tudo aconteça, desde que termine em Cristo fonte de esperança...

Abraço amigo em Cristo